A volta do flash

Tendências / Autenticidade
Linas Vaitonis / EyeEm
962896908
Lauren Catten
mar. 1, 2019

De mãos dadas com o reaparecimento da moda dos anos 90, as fotografias com flash estão de volta.

Desde comida até interiores – tudo está sendo visto em cores vivas. O flash era tratamento onipresente para revistas como The Face e ID, deu a Terry Richardson sua reputação e colocou Marc Jacobs e a American Apparel no mapa. Mas o crescimento da fotografia social fez com que as marcas se distanciassem desse tratamento forte para favorecer composições naturalistas que refletem ambientes e pessoas autênticas.

Mas o que pode ser mais autêntico do que a dura realidade de um flash? Ele destaca, pode ser divertido e irônico, e com sua velocidade e brilho é implícito um nível imediato de autenticidade, algo que todas as marcas sempre almejam. Agora, depois de anos de filtros incríveis do Instagram e tons opacos, o flash traz detalhes bruscos da realidade para nos trazer para o presente.

Isso não é novidade, mas no clima de hoje usar uma luz forte oferece um nível gratificantes de detalhe e verdade; um simples alivio em um mundo onde com frequência, nada é como parece ser.

Como a discriminação está impulsionando a inclusão