A coleção Disability

Repicture / Nossas Parcerias
sturti
1098423558
Rebecca Swift
mai. 16, 2019
Quando você abre uma revista, liga a televisão ou navega pelo seu telefone, o que você vê? As imagens que você vê se parecem com a sua vida? As suas experiências são refletidas no que você consome? Para pessoas com deficiências, o desnível entre a mídia e a realidade são realmente grandes. Apesar de existirem uma a cada cinco pessoas com deficiência, somente dois por cento das imagens disponíveis publicamente representam suas vidas.

É por isso que há mais de um ano a Getty Images lançou uma parceria com a Verizon Media e a National Disability Leadership Alliance (NDLA), uma coligação de várias deficiências liderada por 17 organizações e dirigida por pessoas com deficiência, para trabalhar juntos criando imagens que retratam com mais precisão indivíduos com deficiências para acabar com os estereótipos. A coleção Disability tenta abordar esse problema ao usar fotografia de acervo para documentar de forma inclusiva a vida de pessoas com deficiência.

Durante esse tempo, trabalhamos juntos para identificar os tipos de imagens que perpetuam mitos sobre pessoas que têm deficiência e desenvolvemos um guia completo sobre como refletir com autenticidade pessoas com deficiência, e o guia foi compartilhado com a rede global de fotógrafos da Getty Images. O guia da coleção Disability foi criado através de um processo inclusivo, onde representantes da NDLA ponderaram pontos importantes de representação, como: Como eles querem que as deficiências sejam retratadas? Quais tipos de situações as fotos devem documentar? 
Apesar de existirem uma a cada cinco pessoas com deficiência, somente dois por cento de imagens disponíveis publicamente representam suas vidas.

O objetivo não é ser simbólico ou estereotipar essas imagens, mas sim exibir pessoas que vivem com vários tipos diferentes de deficiências, e criar um ambiente onde eles se sintam mais confortáveis se tornando parte daquele ensaio, criando assim imagens naturais que refletem suas realidades.

A coleção conta com mais de 1.000 imagens que têm como objetivo capacitar a nossa indústria para representar as deficiências usando fotos que podem ser licenciadas e usadas por qualquer pessoa no mundo. Já notamos nesse último ano um aumento em pesquisas de imagens relacionadas a deficiência na Getty Images, com um aumento em 98% entre 2017 e 2018 no termo ‘deficiência’, já ‘pessoas com deficiência’ subiu em 218% e ‘acesso para deficientes’ subiu em 124%.
Mesmo que não possamos mudar do dia para noite o que as pessoas publicam ou clicam, nós podemos oferecer alternativas melhores para aqueles que querem criar histórias mais autênticas.
Desde que lançamos nossa parceria há um ano, nós notamos novos termos de pesquisa aparecendo pela primeira vez. Esses termos incluem “dificuldade de aprendizagem”, “deficiência intelectual” e “deficiência física” e refletem a diversidade que é agora buscada dentro da representação sobre deficiência. A evolução desses termos de pesquisa mostra o quanto alguns dos nossos clientes estão se esforçando para acabar com estereótipos e se empenhando para exibir representações mais inclusas de todas as pessoas.

Em um momento no qual imagens são usadas como linguagem global, nunca foi tão importante reproduzir e promover um idioma visual que é progressista e inclusivo, e apoiar as vozes que embarcam nessa jornada. Mesmo que não possamos mudar do dia para noite o que as pessoas publicam ou clicam, nós podemos oferecer alternativas melhores para aqueles que querem criar histórias mais autênticas. Estamos orgulhosos dessa parceria com a NDLA e a Verizon Media. Quando escutamos e colaboramos, podemos criar coisas que mostram a vida com toda a sua beleza e complexidade.
Nosotros: Reivindicando histórias latinxs